Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘lost in translation’

-I’m stuck… does it get any easier?

-No, yes, it get’s easier.

-Oh yeah? Look at you.

-Thank you! The more you know who you are and what you want the least… you let things upset you.

-yeah… I just don’t know what I’m supposed to be, you know. I tried being a writer, but… I hate what I write. I tried taking pictures, but they were all so mediocre. I guess every girls goes trough photography phase, you know, like horses, taking dumb pictures of your feet.

-You’ll figure it out, I don’t worry about you. Keep writing

You’re not hopeless

Lost in translation

Ladies and gentleman Mr. Bob Harris

Read Full Post »

Eu vou voltar pra cá, é só que as coisas estão e não estão acontecendo e tudo isso me paralisa. Eu tenho um stop-motion pra fazer, em conjunto com um povo bem legal, e em breve uma coluna em uma revista da internet (a ser divulgada aqui mais tarde). Ao mesmo tempo eu espero ligações para entrevistas de estágios e a minha gatinha que ainda não chegou.

Eu poderia vir aqui e falar de como eu nunca esperei estar aqui onde estou agora, e de como a menina que eu fui 5 anos atrás teria desprezo por mim. Poderia… mas ao mesmo tempo eu acho que a menina que eu fui 5 anos atrás também sentiria uma pontinha de orgulho porque talvez as coisas ainda aconteçam.

Eu já não escrevo daquele jeito lindo e metafórico de antes, provavelmente porque eu já não tenho muito a esconder uma vez que, e essa foi a descoberta mais dolorosa dos últimos tempo, eu não tenho nada a perder. Eu queria escrever como antes, eu poderia dizer qualquer coisa banal da maneira mais bonita possível. Hoje em dia eu tenho que de fato dizer alguma coisa.

Eu quero voltar pra cá, mas eu não sei exatamente o que ainda faz sentido escrever.

Read Full Post »

I’m stuck

Há um tempo atrás eu achei que tinha deixado pra trás aquele travamento. Aquela coisa que me dava de “deus do céu o que eu vou fazer agora?”. Sim, há um tempo atrás eu comecei a fazer meu projeto de iniciação científica, decidi pelos documentários, consegui voltar a escrever sendo muito mais focada e achei que tudo tava indo as mil maravilhas e tudo que eu pusesse a mão ia dar certo.

Bom, hoje minha querida fapesp negou meu pedido de bolsa. Depois de tanto trabalho, tanto choro, tanta vela e tanta gastrite eles negaram (4 meses depois de eu enviar!) com um simples “projeto indeferido”. E o que me deixou pior de tudo não foi pensar no trabalho perdido, foi pensar “e agora?”. Porque agora eu tenho um projeto de documentário concorrendo pro tcc, mas ele pode também não passar, a faculdade anda fácil, o francês eu enchi o saco… e tá bom que eu ando fazendo umas traduções, mas isso é por questões financeiras, não quero ser tradutora o resto da vida.

Mas ai eu respirei fundo, vou choramingar para meu orientador amanhã, perguntar pro não-orientador mais paciente do mundo comigo o que fazer agora, terminar o que to escrevendo, aproveitar o tempo pra ler e mergulhar no projeto pro mestrado. Sim, acho que é isso. Mas antes de tudo isso eu vou passar 3 semanas em Israel, respirar e fotografar.

Talvez eu não tenha deixado o “e agora?” pra trás, talvez ele só tenha se tornado mais curto.

Read Full Post »